domingo, 20 de janeiro de 2013

Be Alright - Capitulo 19



Como o Justin tinha a ousadia de convidar ela para jogar com a gente? Era a única coisa que eu me perguntava naquele momento. Eu tinha nojo da cara dela, e tinha medo ao mesmo tempo também. Eu tinha quase certeza que era ela que havia mandando me sequestrar. Ela me olhava de um jeito, que chegava me arrepiar, parecia que ela ia me matar com os olhos. Resolvi sair daquele quarto, mas eu tinha que ter uma desculpa, pois o Justin não queria deixar eu sair, desde que conversamos no show.

Eu: Vou buscar algo pra gente beber lá no restaurante. - falei me levantando da cama.
Justin: Pode deixar que eu ligo e eles trazem. - falou ele pegando o telefone.
Eu: Não! - quase gritei. - Não precisa, to precisando respirar ar livre um pouco, você não desgruda de mim, muito amor é meloso Justin.
Todos riram, menos a Selena.
Justin: Tudo bem, seu cuida amor. - falou ele sorrindo.
Fui em direção a porta, mas antes que eu saísse a Selena se levantou e veio em direção a porta também.
Selena: Eu vou com ela, pra ajudar a trazer as bebidas. - falou ela sorrindo sínico pra mim.
Saímos, mesmo eu não querendo por dentro que ela fosse, e fomos em direção ao elevador. Não trocamos nenhuma palavra até entrar no elevador.

Selena: Acho que você não entendeu quando falaram: " não ousem nem falar com o Justin ou você morre. "  - falou ela assim que o elevador fechou.
Eu: Oque? - falei me virando pra ela.
Selena: É surda vadia? Se afasta dele, ou eu mato você e ele.
Eu: Você não é louca!  - falei rindo.
Selena: Ah eu sou, não avisaram o horário do velório da sua mamãe? - falou ela sorrindo.
Eu: Oque?  - falei gritando.

Nesse momento meu celular tocou, era a Barbara. Atendi.

Eu: Alô? Barbara? O que houve? - falei rapidamente.
Barbara: Sua mãe foi vitima de um assalto e mataram ela. - falou ela chorando.
Nesse momento eu chorava, de raiva, raiva era a única coisa que eu sentia naquele momento. Desliguei o celular ele coloquei no bolsa, olhando logo em seguida pra Selena. Quando dei conta por mim, eu havia dado um tapa na cara dela, que estava vermelha.

Selena: Você está louca? QUER MORRER? - falou ela gritando.
Eu: VOCÊ NEM OUSE ENCOSTAR EM MAIS ALGUÉM DA MINHA FAMÍLIA OU DO JUSTIN, OU EU MESMO TE MATO, COM AS MINHAS PRÓPRIAS MÃOS. - falei segurando o pescoço dela. - ENTENDEU?
Nesse momento o elevador entrou. Tirei rapidamente minha mãe do pescoço dela e sai do elevador normalmente, mas agora chorando, pela morte da minha mãe. Eu não poderia ir pro Brasil, eu tinha que estar ali, pra proteger o Justin. Ele era a minha vida, e eu nem me imagina sem ele ao meu lado. Fui rapidamente para o restaurante e pedi uma água com açúcar.  Bebi rapidamente e subi. Entrei no quarto e a Selena estava chorando e ao seu lado estava o Justin abraçado com ela. Pattie estava sentada, e ao seu lado estava Ryan, Alfredo e Scooter.

Justin: Como você ousou a bater nela? Você tá louca Sofia? - falou ele agora se levantando e vindo em minha direção.
Eu: O que?  - falei totalmente sem noção do que ele havia acabado de me dizer. - Bati em quem? - falei me fazendo de desentendida, porque que estava.
Justin: Na Selena, por causa de mim. Ela é minha amiga e eu não vou me afastar dela.
Eu: Eu não acredito! - falei indo em direção à ela.-  Como você pode ser tão falsa? - falei cuspindo na cara dela.
Justin me puxou.
Justin: É melhor você ir pro seu quarto e se acalmar. - falou ele me segurando pelos braços.
Eu: Me solta, eu não vou bater nela, nem se preocupa, eu não tenho motivos pra isso.
Justin me soltou.
Pattie: Se acalme querida.
Eu: Só um aviso pra você Selena, não se preocupe eu não vou mais atrapalhar seu romance com o Justin, afinal vou me mudar, mas se você encostar em mais alguém da minha família ou do Justin, eu te mato. - falei chorando.
Alfredo: O que houve? - falou o Alfredo vindo em minha direção e me abraçando.
Eu: Nada!
Meu telefone tocou novamente. Era Barbara.

Eu: Babi! - falei chorando.
Barbara: Você não vai vim?
Eu: Eu não posso, tenho que ficar, pro bem de todos. Mas fala pro papai que vai ficar tudo bem, que a mamãe vai proteger a gente lá no céu, eu tenho certeza. - falei me sentando no chão.
Barbara: Você vai ficar bem? - falou ela chorando.
Eu: Vou, cuido do meu pai, por favor, só me faz isso, não deixa ninguém encostar nele.
Barbara: Tudo bem, vou desligar.
Eu: Te amo.

Ela desligou.

Justin: Sua mãe morreu?  - falou ele se sentando ao meu lado.
Na mesma hora eu levantei.
Eu: Morreu, mas você não precisa se preocupar, a Selena precisa mais da sua atenção do que eu. - falei saindo do quarto.

E NAQUELE MOMENTO, EU TINHA A CERTEZA QUE A SELENA ERA A PESSOA MAIS INÚTIL DA FACE DA TERRA, E EU QUERIA MATA-LA.


Pronto, não ficou grande e nem pequeno u_u
Espero que gostem e continuem mandando ideias no ask, POR FAVOR. 
. Meu ask, clica aqui
Continuo com 20 COMENTÁRIOS.
Love you / Anne ( @sorriabeliebers ) 

12 comentários:

  1. Continua amr.. aaagr to com vontade de matar a selena. que vadia

    ResponderExcluir
  2. gatinha, ficou pfto, sou me deu uma raiva, porem amei, continua hah

    ResponderExcluir
  3. meudels, que safada essa Selena. Q ódio véi ! gnt,será q da pra vcs lerem a minha IB? kkkkkk'

    ResponderExcluir
  4. nossa caralho eu chorei ç.ç cryy continuaa

    ResponderExcluir
  5. Que merda dessa selena, tomara que fiqe tudo bem entre o justin e a fifi. Continua

    ResponderExcluir
  6. bleh selena, a mascara dela deveria cair logo

    ResponderExcluir

O que você comenta aqui, é o que me inspira a continuar, gatinha <3