terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Be Alright - Capitulo 14 / Aeroporto

image


Rapidamente peguei minha bolsa e caminhei em direção a saída da sala de reuniões. Senti uma mão no meu ombro. Me virei.

Justin: Você não vai! - falou ele olhando sério pra mim.
Eu: Oque? Você acha mesmo que eu vou ficar aqui e deixar você correr perigo? Eu sei quem colocou essas fotos. Só ele tinha acesso ao meu computador no dia que nós nos encontramos. Ele é perigoso. Ele persegue todos os meus amigos até eu ficar sem nenhum. - falei já chorando.
Justin: Me fala quem é. - falou ele limpando algumas lágrimas que ainda caiam.
Eu: Realmente não posso. - falei tirando a mão dele do meu rosto e saindo dali.

Entrei no meu carro e fui direto pro meu apartamento. Eu teria que ir pro Canadá, passar uns dias lá, até resolver a minha vida. Eu já havia ligado para o aeroporto e avisado que eu viajaria para o Canadá com o meu jatinho. Cheguei e entrei rapidamente no meu apartamento indo direto para o meu quarto. Procurei a minha mala e comecei a colocar alguns roupas dentro. Logo terminei de arrumar as malas e fui para o banheiro, tomar um banho, era o que eu mais precisava naquele momento. Tomei uma ducha rápida, quando sai coloquei uma calça preta, uma blusa de manga comprida escrito "Paris" um all star preto, e passei meu perfume girlfriend. Prendi meu cabelo. Olhei no enorme espelho que havia no meu quarto e eu estava pronta.

Senti meu celular vibrar em cima da cama, era uma mensagem. Corri e era de um número desconhecido. Olhei a mensagem que me fez arrepiar dos pés a cabeça. Nela estava escrito:

" A Vadia vai querer que eu poste mais fotos íntimas do casalzinho, ou vai largar ele logo?  Você sabe muito bem quem é. Se você não é minha não é mais de ninguém! "

Com certeza era ele. Eu não poderia deixar ele chegar perto do Justin, ele era perigoso. Peguei meu celular e liguei pra Ashley.

Eu: Alo. - falei assim que ela atendeu.
Ashley: Oi amiga, como você tá?
Eu: To indo pro Canadá, se cuida caso a gente não se veja mais.
Ashley: Oque?
Eu: Obrigada por tudo, vou ter que desligar. Tchau.

Desliguei sem ao menos ouvir o que ela havia falado. Peguei minhas malas e minha bolsa e caminhei em direção a saída. Dei uma última olhada pro meu apartamento e sai dali, indo em direção ao aeroporto. Cheguei lá e fiquei sentada, esperando eles me chamarem, pois o jatinho havia tido um problema. Fiquei lendo uma revista quando vi uma multidão cercando alguém que entrava no aeroporto. Não podia ser, mas era, o Justin estava ali. Ele olhava para todos os cantos do aeroporto. Haviam vários seguranças em sua volta. Tentei meu esconder, mas foi em vão. Ele me achou. Caminhou rapidamente, mas as fãs impediam. Então, ele saiu da corrente dos seguranças e correu na minha direção. Me levantei.

Eu: Oque você tá fazendo aqui? - falei assim que ele ficou na minha frente.
Justin: Você não vai. - falou ele me abraçando.
Eu: Eu tenho que ir. - falei abraçando mais forte.
Justin: É o Harry que tá te chantageando não é?
Olhei assustada pra ele.
Eu: Como você sabe?
Justin: Ele acabou de mandar uma mensagem pra mim. - falou ele me mostrando o celular.

" A vadia agora é minha! Nem ouse em ir atrás dela. "

Justin: Rastreamos o número dele. - falou ele assim que eu acabei de ler a mensagem.
Eu: Foi ele que colocou as fotos na internet ... - ele me interrompeu.
Justin: Vem, a gente conversa em casa. - falou ele segurando a minha mão.

Dois seguranças pegaram a minha mala. Caminhamos para fora do aeroporto, ainda cercado de fãs. Entramos rapidamente numa van que estava ali. Logo a van deu partida.

Eu: Obrigada! - falei abraçando ele de lado.
Justin: Nunca vou deixar alguém te ferir. - falou ele bem baixo, só para que eu ouvisse.
Sorri. Ele me selou.

Kenny: Chegamos. - falou ele abrindo a porta da van.

Saímos e me deparei de frente pra casa do Justin.

Justin: Você vai morar comigo a partir de agora. - falou ele segurando minha mão.
Sorri. Entramos e fomos direto pro quarto, pera, pro quarto do Justin?
Eu: Aonde é meu quarto?
Justin: Aqui! - falou ele fechando a porta.
Eu: Vou dormir com você? - falei sorrindo.
Justin: Sim. - falou ele me abraçando por trás.

Ele caminhou abraçado comigo lentamente até a cama, e logo me empurrou, fazendo eu deitar na cama. Ele subiu e ficou por cima de mim. Ele se aproximou encostando nossos lábios. Mas fomos interrompidos com três batidas na porta. MAS QUE MERDA.

Ficou uma merda esse capitulo, eu sei, mas o próximo promete emoções.
Continuo com 15 comentários.

Até xoxo 

20 comentários:

  1. OMG! Sempre interrompem eles? incrível. aaawn continua que tá perfeito ><

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Gente, quando é que eles vão coisá sem ser interrompidos?

    ResponderExcluir
  4. continuaa, cara sempre tem algo pra interromper :s
    @drewsorvete

    ResponderExcluir
  5. harry???? nao me lembro dele kk

    ResponderExcluir
  6. não ficou uma merda nada, continua @kidrauhlmygold

    ResponderExcluir
  7. Uauuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu, continuaaaaaaaaaaaaa sos

    ResponderExcluir
  8. merda?haha sqn gata,ooow quem será?
    continuua

    ResponderExcluir
  9. continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderExcluir
  10. CONTINUAAAAAAAAAAAA PLEASE

    ResponderExcluir
  11. TÁ PERFEITO CONITNUAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

    ResponderExcluir
  12. eu acho que você deveria fazer eles namorarem logo, dai a tia pattie ficasse a favor e o jeremy não, dai alguma garota entra na história e faz com que o Justin se apaixone por ela, dai a Sofia vai pro Brasil e decide ficar uns anos lá, dai quando o Justin vai fazer turnê lá, eles se encontram e o Justin se apaixona pela Sofia novamente. SUGESTÃO.

    ResponderExcluir
  13. você poderia continuar? @biebscomputador

    ResponderExcluir
  14. CONTINUA, PLEASE, TÁ PERFEITA COMO SEMPRE

    ResponderExcluir
  15. aaaaaaaa demaisxxxxxxx continua logo

    ResponderExcluir

O que você comenta aqui, é o que me inspira a continuar, gatinha <3